Distância Mínima Entre uma Igreja e uma Distribuidora de Gás de Cozinha

Verificar se há uma distribuidora de gás de cozinha  próximo do local pretendido quando for montar uma igreja deve fazer parte do plano diretor.

Ao realizar a implantação de uma igreja, entre as várias providências devemos nos lembrar do alvará de licença para o seu funcionamento. E também de todas as demais medidas exigidas pelo Plano Diretor e Código de Posturas da cidade onde ela será instalada, como por exemplo, o isolamento acústico, distribuidores de gás de cozinha etc.

distancia da igreja e distribuidora de gas de cozinha
distancia da igreja e distribuidora de gas de cozinha

Documentos são necessários para se ter uma igreja regularizada

Primeiramente veja quais documentos são necessários para se ter uma igreja regularizada:

  • 1º Ata de criação de igreja, contendo os respectivos membros diretores.
  • 2º Estatuto de Igreja
  • 3º Habite-se que haja o isolamento acústico
  • 4º Habite-se do prédio que contenha o projeto arquitetônico.

A solicitação do alvará de licença é feita através de laudo de viabilidade com validade de 30 dias para apresentar os documentos solicitados pela fiscalização. Terminado o prazo que foi dado deve-se abrir ordem de serviços para fiscalizar a referida Igreja.

É este laudo de viabilidade que demonstra o cumprimento da Igreja para com as exigências do Código de Posturas e Plano Diretor.

Cada Município tem suas exigências próprias, com base no Plano Diretor e Código de Posturas.

Distância entre a Igreja e o distribuidor de gás de cozinha

As instalações de armazenamento de gás de cozinha, além das prescrições devem observar os seguintes requisitos específicos:  deve manter uma distância de, ao menos, 10 (dez) metros das escolas, hospitais, quartéis, cinemas, teatros, igrejas ou outros locais de grande aglomeração de pessoas.

Quando houver muro com pelo menos 2 (dois) metros de altura, a distância de segurança pode ser reduzido à 5 (cinco) metros, devendo neste caso, tal distância ser considerada a partir do muro.

gas de cozinha glp
gas de cozinha glp

Norma técnica para distância entre a Igreja e a distribuidora de gás de cozinha

Enfim, de acordo com a norma técnica número 28 de 2014 – O Gás GLP – gás liquefeito de petróleo ou gás de cozinha – para a área de armazenamento de botijão de gás que sejam possível de transportar e destinados ou não à comercialização de venda de gás de cozinha – devem seguir critérios de segurança de acordo com a ANP..

A instalação dever ser permitida em área de armazenamento de cilindros transportáveis de Gás de Cozinha, caso o imóvel também utilizado como moradia ou residência particular.

Mas deve-se haver separação física em alvenaria (muro) entre estes imóveis e com acessos totalmente independentes, com rotas de fuga bem distintas e claras em caso de acidente, sendo respeitadas as distâncias mínimas de segurança estabelecidas por lei e normas da ANP e observadas as posturas estadual e municipal.

Então para que o alvará de sua Igreja seja aprovado deve-se respeitar esse limite existente entre a Igreja e o distribuidor de gás de cozinha.